Celulite: o que é e por que ela aparece?

By 28 de junho de 2019Blog
Celulite: o que é e por que ela aparece?

 

Celulite: saiba o que é e quais as suas causas

 

A celulite tem vários fatores e hoje vamos falar dessas causas. 

 

O primeiro fator que toda mulher pensa em relação à celulite é: por que homem não tem celulite? 

 

Diferenças entre homens e mulheres

 

Os homens não têm celulite ou têm pouca celulite por causa do formato das traves que seguram os lóbulos de gordura. 

 

A nossa gordura é guardada dentro de um balão e dentro dele tem várias bolinhas, como se fossem bolinhas de gude. Cada bolinha dessa cresce e aumenta esse lóbulo, esse balão. 

 

Se a pessoa está magra, as bolinhas estão pequenininhas e se ela engorda as bolinhas vão crescendo e inflando o balão. 

 

Esse balão não fica solto e sim circundado por traves. É como se fossem paredes que vão segurar esses balões no lugar. 

 

As traves masculinas são em formato losangular e a gordura fica presa dentro desse losango. Na hora que esse lóbulo cresce ele não tem uma força que faz a fibrose puxar a pele para baixo. 

 

A mulher, infelizmente, tem os lóbulos retos, são paredes do lado, então quando o lóbulo cresce essa parede continua fixa e o lóbulo cresce para cima. Isso faz com que essa fibra puxe a pele baixo, e isso é a celulite, e essa gordura fique mais proeminente os locais. 

 

E isso acontece na pessoa gordinha ou na pessoa magra que tem alguns locais de gordura localizada e vai ter esse aspecto de repuxamento nessas áreas de fibrose. 

 

Além disso, outros fatores vão fazer com que essas gorduras localizadas tenham mais fibrose, que essa fibrose seja mais intensa ou que essa gordura seja mais proeminente, vamos dizer assim. 

 

Hormônios

 

Um fator importante que acarreta muito esses problemas são os hormônios. 

 

O estrogênio é um hormônio que vai acarretar em mais deposição de gordura, principalmente nas áreas que têm mais receptores hormonais. 

 

No sexo feminino essas áreas são os culotes, as coxas e os glúteos. São as áreas em que a gente percebe mais celulites nas mulheres. 

 

Algumas têm umas gorduras localizadas no abdômen e podem também ter um pouquinho de celulite nessa área, mas na grande maioria dos casos as queixas de celulite vêm dessa parte inferior que é a parte que a gente chama de ginóide, o formato do corpinho de violão, o bumbum, o quadril, o culote e as coxas. 

 

Essas partes são mais intensamente afetadas pelos hormônios que vão estimular mais  deposição de gordura naquelas regiões para fazer esse formato feminino que a nossa genética manda e, infelizmente, isso vai acarretar em mais celulite. 

 

Gordura localizada 

 

Outro aspecto que vai causar celulite é que quanto mais gordura localizada você tiver em uma determinada região, mais tendência daquela parte sofrer com celulite. 

 

Primeiro pela proeminência da gordura para fora das traves de fibrose. 

 

Segundo porque quanto mais inchada essa bolinha, esse lóbulo de gordura, mais vai comprimir os vasos sanguíneos e a circulação perto dessas traves. 

 

Quanto mais gordura tem, mais ela esmaga entre uma parede e outra. 

 

Esses vasos sanguíneos são responsáveis por trazer nutrição para aquele tecido. Eles levam oxigênio, fazem a cicatrização, tiram os radicais livres, limpam aquela região de gordura. 

 

O tecido adiposo tem pouquíssima vascularização, então quanto mais gordura localizada e mais vai comprimir esses lóbulos de gordura, mais celulite vai gerar, porque vai ter menos nutrição, mais sofrimento àquele tecido vai ser causado e aí vai ter mais fibrose. 

 

Essas fibras vão ficar cada vez mais proeminentes e vão repuxar cada vez mais a pele. Isso vai ser diretamente proporcional ao prejuízo à circulação daquele local. 

 

Circulação sanguínea

 

Interessante observar que pessoas que têm tendência a ter varizes, principalmente nas coxas, com o tratamento dos vasos há uma intensa melhora da celulite. 

 

Tratar essa circulação ruim faz com que ela se renove e você está limpando aquela área de gordura, melhorando a circulação ali. Isso vai diminuir a inflamação, a formação de fibroses, melhorar a limpeza daquele tecido adiposo e a celulite vai diminuir.

 

A celulite nada mais é do que uma inflamação do tecido adiposo, da gordura. O nome científico da celulite é lipodistrofia ginóide, que é uma patologia, uma doença do tecido adiposo. 

 

Em relação à circulação, a gente pode abordar as varizes e a circulação, mas pensar também nas pessoas que têm retenção de líquido. 

 

Retenção de líquidos 

 

Isso pode ser gerado por hormônios, pode acontecer em quem tem ovário policístico, em quem não tem nenhuma patologia, mas sempre que vai menstruar sente as pernas inchadas, os braços, sente que o corpo todo está inchado. 

 

Tem pacientes que ganham 1 ou 2 kg de líquido no período menstrual. Essa retenção também acarreta uma piora da celulite e se torna um processo crônico da piora da circulação, que gera uma inflamação que vai perdurando com essa formação de fibrose. 

 

Todos esses aspectos que causam a celulite estão interligados, ninguém tem uma coisa só. Todo mundo tem um pouco de tudo e, às vezes, tem um pouco mais de um ou outro fator. Mas todas elas precisam ser pensadas quando se fala em tratamento para celulite e em manutenção desses tratamentos. 

 

Na sequência dessa série nós vamos falar sobre os tratamentos mais indicados, sobre como cada um age, as limitações de cada um e como eles vão contribuir para a melhora da celulite.